Ato contra o projeto Metrô Curitibano

Em 18/07/2012, na data de encerramento da consulta pública do projeto METRÔ CURITIBANO, o MPL Curitiba promoveu um protesto contra o empreendimento. Os grupos que questionam o projeto METRÔ CURITIBANO incluem sindicatos, associações de classe, conselhos de classe, ONG´s e cidadãos independentes.
Içando uma grande faixa de 36m2 na praça Rui Barbosa, fazendo panfletagens e usando o megafone, foi feita a divulgação da campanha contra o projeto METRÔ CURITIBANO para a população.
O empreendimento será feito através de PPP – Parceria Público Privada. O povo paga para construir a obra, mas é o povo é quem constrói, e depois disso, ele ainda tem que pagar para usar!
Há outras alternativas para a construção do metrô? Sim, há. Mas o governo municipal e federal impõem um único modelo e, através de uma falsa audiência pública (onde só foi apresentada a viabilidade econômica para fisgar os investidores), forçam a legitimação de suas maracutaias privatizantes.
Não somos contra metrô, ou qualquer outro modal, mas acreditamos que o projeto METRÔ CURITIBANO não foi construído por Curitiba e muito menos para Curitiba. Ele vem sendo desenvolvido há mais de 5 anos a portas fechadas. Todo o processo de informação, discussão e decisão deixou o cidadão usuário completamente à margem, tornando a audiência pública (exigida por lei) uma farsa ou um evento pro-forma, sem sentido ou valor.
Você participou da audiência? Sabe detalhes do projeto? Sabe se vai usá-lo? Sabe que a passagem dos ônibus vai aumentar para pagá-lo? Provavelmente você e mais de 1 milhão de pessoas que usam o transporte coletivo não sabem a resposta a essas e outras perguntas, afinal, nenhum processo de discussão chegou aos terminais de ônibus.
A íntegra da contestação administrativa que teve adesão do MPL Curitiba pode ser vista aqui.
O trâmite desta contestação pode ser acompanhado por qualquer cidadão pelos protocolos feitos, mas diante da proposital desorganização destas instituições, achamos improvável haver algum encaminhamento. Seguem os protocolos para conferência do que dizemos:
1-Prefeitura de Curitiba e Comitê Gestor de Parcerias Público Privadas Municipal (SMAD – Secretaria Municipal de Administração); PROTOCOLO: 01-071347/2012; CONTATO: 3350-8484 – Setor de protocolo
2-Ministério Público do Paraná; PROTOCOLO: 13359/2012 MP/PR-J MARANHÃO-13/JUL-17:35 /ABAIXO ASSINDADO-DIVERSOS/ENCAMINHAMENTO DE DOCUMENTAÇÃO; CONTATO: 3250-4000 – Setor de protocolo
3-Ministério Público Federal; PROTOCOLO: 13359/2012 /E.Lima – 12/07/2012; CONTATO: 3219-8700 – Setor de protocolo
4-Tribunal de Contas do Paraná; PROTOCOLO:“01/08/12- DP em 01/08/12 – Leonardo Santos de Melo Matricula EX 400144”; CONTATO: 3350-1616 – Setor de protocolo
5-Tribunal de Contas da União; PROTOCOLO: SECEX-PR 12/07/2012 16:55h Servidor: Giovani 0000485226650 (código de barras); CONTATO: 3218-1350 – Setor de protocolo
6-Comitê Gestor de Parcerias Público Privadas Federal (Ministério do Planejamento); PROTOCOLO: MP-SPU/GRP 04936.004779/2012-84 12.07.2012; CONTATO: (61)-2020-4141 – Setor de protocolo

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Ato contra o projeto Metrô Curitibano

  1. marcoapc disse:

    Este projeto Fogo no barraco mapea o dados sobre os incêndios paulistas e sobre a valorização imobiliária na cidade de SP, o codigo fonte é livre, http://fogonobarraco.laboratorio.us/ pode fazer o mesmo sobre os acidentes de ônibus de Curitiba.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s