TRABALHADORES DO TRANSPORTE E CONCESSIONÁRIOS – COMPARAÇÃO DE DIREITOS E RESPONSABILIDADES

COMPARATIVO DE DIREITOS E RESPONSABILIDADES
TRABALHADORES CONCESSIONÁRIOS
GANHOS Possuem salário baixo e concorrem com outros trabalhadores desempregados. Ganharam licitação pedindo o valor máximo possível, absolutamente sem concorrentes.
CORREÇÃO NOS GANHOS Em termos de salário, jamais ganham o que pedem. Em termos de repasse ou “tarifa técnica”, o que pedem, ganham. Inclusive já estão ganhando os R$ 3,05 que pediram, gerando rombo no orçamento municipal e ameaçando integração com região metropolitana.
ACIDENTES Em acidentes, como no caso da tragédia da Tiradentes, o motorista pode ser preso ainda ferido e em estado de choque. Em acidentes, como na tragédia da Tiradentes, até hoje não houve responsabilização dos concessionários.
ESTABILIDADE Não possuem estabilidade no emprego, podendo ser demitidos a qualquer momento. Possuem estabilidade: o contrato da última licitação é para até 25 anos.
PARALIZAÇÕES Quando fazem greve, são multados pelos nobres juízes e promotores da sociedade paranaense. Não há qualquer responsabilização/ penalização pela greve de seus funcionários, já sendo vista pela população como LOCKOUT proposital, para forçar os aumentos.
PREJUÍZOS Assumem responsabilidades: prejuízos com assaltos (isso quando sobrevivem) ou fura tubos, são muitas vezes cobrados dos trabalhadores. Não assumem responsabilidades: sequer pela compra de equipamentos se resposabilizam, acusando a URBS como culpada por terem comprado vários ônibus que não cabiam na canaleta.
AUMENTO DA VELOCIDADE E FATURAMENTO Não assinaram o contrato da licitação fraudulenta que aumentou a velocidade média dos veículos, mas sofrem penalização por atrasos. Sem consulta aos trabalhadores do sistema, assinaram unilateralmente com a URBS o contrato da licitação fraudulenta, prevendo aumento da velocidade média, para aumentrar faturamento sem aumentar frota.

ESTÁ BASTANTE CLARA A DEMONSTRAÇÃO DE QUE O TRANSPORTE COLETIVO DE CURITIBA É VIRTUALMENTE OPERADO POR UMA COOPERATIVA DE TRABALHADORES, TODAVIA, SUJEITA À PRESSÃO DIRETA DA CONTRATANTE URBS E AOS RISCOS DA CONTRATAÇÃO.

PS.: A boa notícia é que a autogestão nunca esteve tão próxima!!! SÓ DEPENDE DE CURITIBA SE UNIR AOS TRABALHADORES DO TRANSPORTE!!!

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

4 respostas para TRABALHADORES DO TRANSPORTE E CONCESSIONÁRIOS – COMPARAÇÃO DE DIREITOS E RESPONSABILIDADES

  1. everton disse:

    sem contar das sacanagens que as empresas, fazem com o funcionarios, quando um malaco inavade tubo,o fiscal pega, a empresa cai de pau emcima do funcionario, ele nao tem como se defender

    • mplcuritiba disse:

      Wilson, estamos cientes das injustiças a que estão sujeitos os trabalhadores do transporte coletivo. Achamos que é necessária a unidade de trabalhadores, estudantes e cidadãos. Quando falamos em unidade de trabalhadores, nos referimos a TODAS E TODOS OS TRABALHADORES: trabalhadores do transporte coletivo e trabalhadores que USAM o transporte coletivo.
      Você fala em “malacos” se referindo possivelmente aos fura-tubos, mas é importante ressaltar que os trabalhadores do transporte já fizeram em 2014 uma grande CATRACA LIVRE em Curitiba. Ou seja, já perceberam que a unidade popular é importante. Furar o tubo é um ato de não violência. Não há agressão física e nem sequer se trata de uma depredação patrimonial. A violência vem depois, contra o fura-tubo que num ato político quer demonstrar que a passagem já está paga.
      Infelizmente, o grande cartel do transporte coletivo consegue incutir na cabeça dos mais despreparados que é preciso rivalizar o povo com o povo. O resultado são tragédias como esta:
      https://fureotubo.wordpress.com/2014/09/24/o-assassinato-de-brendon-barbarie-justificavel-pela-defesa-de-mafias-bilionarias/

      Enfim, camarada, é importante se dispor a ler e estudar um pouco se desejarmos avançar no debate.

  2. Quequewilson disse:

    O pessoal do movimento do passa livre de Curitiba, é um bando de vagabundo. No ano passado e retrazado ficaram brigando por causa de alguns centavos, enquanto hoje, a dois dias temos que andar a pé, se não quiser pagar R$6,00 para ir de um terminal ao outro ou ter a sorte de achar um taxi livre e gastar no mínimo R$30,00 para chegar ao trabalho. O motoristas e cobradores estão sem salario enquanto o governado Beto Richa tem um aumento de salário de quase R$ 5.000,00, o Paraná e Curitiba estão falidos.
    Cade vocês seus bostas?
    Agora que vocês deviam estar nas ruas lutando por alguma coisa que vale a pena, não some todo mundo.
    Vocês são um bando me cagões.
    Um bando de bosta!!!!!

    • mplcuritiba disse:

      Wilson, quem faz as mudanças é o povo, ou seja, você e seu amigo, vizinho, colega de trabalho.
      O MPL Curitiba é um movimento que não possui qualquer financiamento ou proteção partidária. Estamos exclusivamente por nossa conta.
      A militância do MPL Curitiba tem interesse em levar propostas políticas para o debate, entretanto, não é fácil. Muitos já sofrem processos judiciais e alguns já foram até presos. Sofremos até com a raiva de populares que não compreendem a discussão ou as propostas colocadas. Por algum motivo, estes populares raivosos acreditam que um pequeno grupo militante e organizativo vai fazer a diferença agindo sozinho. Os movimentos sociais fazem a diferença, sem dúvida, desde que a população faça sua parte, tentando entender o que realmente está acontecendo, buscando o estudo e a informação, que por sinal não vai ser obtida nos tradicionais meios de comunicação.
      Nossos canais de comunicação estão aí para informar e promover a luta. Temos o blog, o facebook, o twitter.
      Acho que podemos fazer um debate melhor, sem xingamentos ou preconceitos. O que acha?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s